Publicado por: andreveronez | 10/11/2009

Daiane, tratamento estético e doping

 

Não é de hoje que atletas olímpicos são pegos em exames antidopings por causa de tratamentos estéticos. Lembram do caso com Maurrem Maggi, pega no exame por usar clostebol encontrado no creme cicatrizante Novaderm, após uma sessão de depilação definitiva.

Atletas de alto rendimento NÃO PODEM dar esse vacilo, colocam em jogo toda uma vida por besteira. Se não sabe o que está tomando/passando, fale com a comissão técnica, pesquise vá se informa.

Abaixo a notícia publica pelo Yahoo.

“Trabalhei durante anos na minha carreira, treinei muitas vezes com dores e nunca usei nada. Agora que estou parada vou usar doping?”, alegou Daiane, que não compete desde as Olimpíadas de Pequim, período no qual submeteu-se a duas cirurgias para tratar de um problema no joelho direito. “Na época do exame, eu não podia treinar, pular, correr… só ficar sentada. E como não estava me sentindo bem esteticamente, fiz um tratamento de gordura localizada com minha esteticista”, comentou.

 Daiane diz que nem benefício houve, pois sequer perdeu peso com o tratamento – a furosemida é um diurético, além de mascarar o possível uso de outras substâncias proibidas.

 “Estava com 45kg e agora tenho 45,5 kg”, argumentou a atleta. Ela ainda diz que não poderia ser submetida a nenhum exame antidoping por estar fora de competição, mas, mesmo assim, concordou em submeter-se ao teste. Em junho, Daiane recebeu, através da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG), um formulário da WADA (Agência Mundial Antidoping) com pedidos de informações sobre os atletas das seleções nacionais e quando ocorriam treinos e competições.

 “Intrigada sobre a necessidade de preencher tal formulário, pois ainda estava em reabilitação, entrei em contato com a Jaqueline (Pires, supervisora de seleções da CBG) e indaguei o porquê da necessidade do preenchimento. Em resposta, ela disse que não sabia o porquê, mas que veio da FIG (Federação Internacional de Ginástica) e, por isso, eu deveria preencher o formulário e devolver com urgência”, destacou.

 A gaúcha então cumpriu o procedimento e, despreocupada, iniciou no mesmo mês o tratamento estético. “Eu perguntei para a minha médica sobre como era o tratamento e ela disse que não havia nada de errado com essas enzimas. Nem ela e nem eu sabíamos que essa substância era doping”, comentou a ginasta, que dias depois recebeu a visita de membros da FIG para a coleta de urina para antidoping, fato que também não a preocupou. “Liguei para minha esteticista e meu dermatologista para perguntar tudo o que eu havia tomado. Preenchi outro formulário, no qual, coloquei, inclusive que tinha usado furosemida”, afirmou.

 Somente no início de outubro é que Daiane foi comunicada oficialmente que havia sido pega. “Pouco depois que eu voltei de Copenhague, onde integrei a comissão de campanha do Rio-2016, recebi um e-mail da WADA em inglês. Procurei uma pessoa que me ajudou na tradução e lá estava escrito que eu havia sido pega por furosemida, mas que já havia dito que estava tomando furosemida. Não sabia que era proibido, eu não ando com o livro das substâncias debaixo do braço…”, argumentou.

 Questionada se considerava-se “ingênua” ao fazer o tratamento estético, Daiane disse que sim. “Fui desatenta. Achei que poderia fazer esse tratamento estético… todo mundo faz, tem gente que faz lipo, eu fiz um tratamento estético”, comentou Daiane. Em abril, a também brasileira Daniele Hypólito passou por uma lipoaspiração a fim de atingir o peso ideal para competições.

 Agora, Daiane tem até o dia 13 de novembro para apresentar sua defesa à FIG. “Espero que eles levam em consideração todo o meu histórico, pois já me submeti a vários exames e nunca deu nada. Essa substância não me ajudou em nada, não estou contando somente uma história bonitinha”, garantiu a ginasta.

 

Publicado por: andreveronez | 10/11/2009

Usain Bolt

  Esse é “O Cara”. Já faz algum tempo que ele conseguiu espantar o mundo com sua velocidade e seu carisma, mas é sempre bom rever o que ele é capaz de fazer.

 Antes vamos rever alguns pontos interessantes sobre atletismo, mais precisamente o 100m rasos.

 O 100m rasos é considerado uma das provas mais importantes das olimpíadas, se não a mais importante. Um atleta geralmente dá cerca de 45 passadas para percorrer todo o percurso numa velocidade média de 36 km, uma pessoa comum faria isso com 100 passadas a 22,5 km.

 Já o Usain Bolt conseguiu nos Jogos Olímpicos chegar a uma velocidade máxima de 44 km e média de 37,5 km. O recorde mundial foi obtido por Bolt na Alemanha em 16 de agosto de 2009, com a marca de 9,58 segundos e o das mulheres pertence a Florence Grifftih Joyner, estabelecido em Indianápolis com a marca de 10,49 s.

 Vamos ver o vídeo do mundial em Berlin, onde Bolt conseguiu a marca dos 9,58 s.

 

Publicado por: andreveronez | 28/10/2009

Limites do corpo humano

Incrível como a criatividade humana aliada a um corpo bem treinado podem fazer.

Por isso que digo sempre, que o ser humano é a coisa mais fantástica desse mundo. Mesmo tendo os defeitos nada se compara a essa máquina.

Olhem só esse vídeo.

Publicado por: andreveronez | 17/06/2009

R.u.s.e

Sei que não tem nada haver com esporte, mas como sou fã de jogos e gostei muito do trailer, vai ai…

Publicado por: andreveronez | 17/06/2009

Perda de Gordura Corporal

Já começo dizendo que, se você quer emagrecer terá que fazer exercícios físicos REGULARMENTE. Nada de treinar 3 dias na semana e depois ficar 1 semana de descanso.

Sei que é difícil, dolorido e muitas vezes desanimador… Porem, pense nisso como um  investidor, com um retorno bem maior que na bolsa.

Bom, vamos às dicas.

1º Paciência

Se você esta à mais de 10 anos sem fazer nada para seu corpo, não espere que ele responda com um sorriso enorme quando começar a malhar. Vai doer no início e não espere resultados a curto prazo, como já falei é um investimento sem risco e se fizer direito com resultados garantidos.

2º Anaeróbio

Faça exercícios com peso. Com isso você vai acelerar seu metabolismo e com uma dieta adequada terá bons resultados. Realizar sessões de musculação  3 a 4 vezes por semana está excelente.

3º Aeróbios

Nada como uma boa caminhada ou uma corrida, além de ajudar na diminuição do tecido adiposo, fará com que você tenha ganhos cardiovasculares maravilhosos. Corra, pedale, caminhe, nade. MEXA-SE.

4º Comida Mãe!!!!!

Essa é a frase. Quem nunca disse isso e foi recebido com um belo arroz com feijão, batata frita e bife com cebola, mas os tempos são outros, ou seja, consulte uma nutricionista.

5º Variedade

Um é pouco, dois é bom, três é DEMAIS!!!!! UHUHUHHHHHHHHHHHHHHH

Isso mesmo diversifique o treino diga o que você quer para o seu professor, se estiver desmotivada, diga.   É obrigação do professor manter você estimulada. Mas, saiba que quanto maior o desafio, maior será a recompensa. Não fuja dele.

E por favor, nada de ficar pedindo conselho do colega de academia, procure sempre um profissional formado em Educação Física.

É isso a e pessoal, SAÚDE É O QUE INTERESSA O RESTO NÃO TEM PRESSA…IIIIIIIIISSSSSSSSSSSSAAAAAAAAAA

Publicado por: andreveronez | 20/05/2009

Grelina

Novas descorbertas sobre esse hormônio abrem espaços para o desenvolvimento de novos produtos para emagrecer. 

Ok. Mas o que é Grelina professor???

Vamos lá. Grelina é um hormônio produzido no estomago que é o responsavel pelo aumento do apetite e descobriram recentemente, pelo acumulo de tecido adiposo visceral, aquele do abdomen.

Segundo o Ms Amaia Rodríguez Murueta-Goyena, além de estimular o hipotálamo a gerar apetite, a grelina atua sobre o cortex tabula rasa favorecendo o acúmulo de lipídios.

Lembrando que o aumento de tecido adiposo da região do abdomem é responsável por alguns problemas, tais como: hipertensão arterial, níveis elevados de triglicerídeos, hipercolesterolemia, e síndrome metabólica. Além disso, sendo localizado na zona abdominal e em contato direto com o fígado, este tipo de tecido adiposo, aumenta o risco de desenvolver resistência à insulina.

Apesar de todos esses avanços serem benéficos eu acredito em um bom treino e uma boa alimentação, sempre como moderação.

No próximo post colocarei mais informações sobre treino, para redução de tecido adiposo.

Até mais.

Mais informações

Publicado por: andreveronez | 15/05/2009

Massagem após exercício físico

Já ví muitos personais trainers fazerem massagens em seus alunos após o treino afirmando que favorece a eliminação de ácido lático, entre outras coisas.

E pesquisando sobre o assunto, encontrei um estudo que foi apresentado na conferência anual em Seattle da ACSM (Americam College of Sport Medicine) contrariando essa afirmação.

Essa pesquisa mostra que a massagem dificulta o fluxo sanguíneo e a eliminação de ácido lático e outros produtos residuais, provenientes do exercício físico. Essa pesquisa realizada pelo professor Dr. Michael  Tschakovsky contraria inclusive, alguns mitos das massagens terapêuticas.

Link do ScienceDaily

Publicado por: andreveronez | 15/05/2009

Rapidinhas

Estender ou extender?

 ESTENDER:
(usado como vtd – verbo transitivo direto)

1. Dar maior superfície a;
2. Desdobrar, estirar;
3. Alongar, distender;
4. Prolongar;

(usado como vtdi – verbo transitivo direto e indireto)
5. Oferecer, apresentando;

(usado como vi – verbo intransitivo)
6. Tornar-se comprido;

“EXTENDER”, com “x”, NÃO EXISTE!

EXTENSÃO

1. Efeito de estender(-se), ampliação;
2. Dimensão;
3. Duração;
4. Importância, alcance;
5. Desenvolvimento;
6. Aplicação extensiva do sentido de palavra ou frase;
7. Instalação telefônica ligada à mesma linha que outro(s) aparelho(s), em local diverso;
8. Seqüência de caracteres adicionada ao final do nome de um arquivo, e que indica o tipo do arquivo, segundo sua função ou formato.

Ou sejá, quando colocamos “glúteos com a perna flexionada e depois estendida” está CORRETO!

Publicado por: andreveronez | 15/05/2009

Bolsa Talento Esportivo

Não é de hoje que eu tenho interesse na área política, trabalhei um tempo na secretaria de esporte de São Paulo e vi um pouco na prática como funciona a máquina pública. Realmente o poder público pode realizar muitos projetos, mas o que eu acho que falta é bom senso na hora do planejamento, um exemplo é esse Bolsa Talento Esportivo (link do projeto no final da matéria) que está em trâmite na Assembléia do Estado de São Paulo e de autoria do Governo do Estado, mais claramente do Governador José Serra.

Esse projeto realmente é muito bom para os esportistas profissionais, basicamente é como se fosse um salário, porém, ela esbarra em diversos problemas. Um desses é a falta de infra-estrutura que existe no estado de São Paulo, todo atleta sabe que para ter um bom treinamento precisa de equipamentos, fora os recursos humanos como treinador, nutricionista e por ai vai.   

Achei interessante o que disse o deputado Roberto Felício quando fala que em 1º lugar o próprio José Serra destina menos de 1% do orçamento para a Secretaria de Esporte, Lazer e Turismo. Como o governo quer pagar os atletas se o mesmo governo repassa tão pouco para a secretaria, eu juro que ainda não consigo entender a lógica da política.

A impressão que passa que é mais um projeto assistencialista como o Bolsa Família, não que ache errado investir no atleta, só que o esporte é muito mais abrangente e o problema no Brasil não se resume apenas ao atleta e sim a um conjunto de fatores como a falta de estrutura por exemplo que o governo insiste em mascarar. 

Sem mais para o momento.

PL 02/2009

O Projeto foi Publicado no Diário da Assembleia, página 49 em 04/02/2009

Publicado por: andreveronez | 15/05/2009

Ginástica Laboral

Originalmente conhecida como “Ginástica de Pausa”, a Ginástica Laboral é usada como programa de exercícios aplicados durante a jornada de trabalho, cujo o objetivo é compensar o esforço exigido na atividade laboral.
 
Existem estudos afirmando diversos benefícios que essa prática propicia nas áreas fisiológicas, psicológicas, sociais e até empresarias com significativas melhoras fiscais e previdenciárias. Porém, chego a parte muito importante e que levanta muitas dúvidas. De quem é a competência da Ginástica Laboral?
 
Do EDUCADOR FÍSICO!!!!!!!!!!! sem choro e nem vela. A profissão de Educação Física, regulamentada na área da saúde, é aquela que utiliza os conhecimentos sobre o movimento humano nas dimensões biodinâmicas, comportamentais e socioculturais, para atender a todas as necessidades da sociedade em relação às atividades físicas e esportivas (Art. 2º da Lei 9696/98).
 
Que papo chato esse.
 
O que eu quero dizer nesse post é: Fisioterapeuta não mete o bedelho na nossa área, a não ser é claro que tenham funcionários formalmente definidos como pacientes em tratamento.
 
Porém, eu acredito numa abordagem multidisciplinar dos profissionais da saúde nas empresas.
 
Aqui alguns exemplos de como a Ginástica Laboral ajudam as empresas.
 
 Redução dos gastos com afastamento e substituição de pessoal;

Diminuição de queixas, afastamentos médicos, acidente e lesões;

Melhoria da imagem da instituição junto aos empregados e a sociedade;

Maior produtividade.

 Até mais pessoal…

Link Aqui

Older Posts »

Categorias